Exercícios e brincadeiras – Dicas do livro “Salve o Meio Ambiente” parte 2

Para quem não acompanhou, essa é a segunda parte de uma série de informações que retirei de um excelente livro chamado “Salve o Meio Ambiente” – da Seleções Reader’s Digest. Neste post, segue dicas sobre exercícios e brincadeiras para animais em geral. Se quiser ler o primeiro post sobre cuidados com os bichos, clique aqui.

Exercícios e brincadeiras (p.111)

Os exercícios são fundamentais para os animais, especialmente aqueles que passam muito tempo dentro de casa. É bom para a saúde física e os mantêm alertas e interessados no mundo exterior. Basta uma boa caminhada de 15 a 30 minutos duas vezes por dia para o cão ou 15 minutos brincando com o gato.

Exercícios para quê?

– Você economiza nas contas do veterinário. Os animais com excesso de peso e que se exercitam pouco tem mais probabilidade de sofrer de uma série de doenças.

– A casa e o jardim terão melhor aparência. Animais entediados e solitários em geral exprimem sua frustração causando danos ao ambiente.

– Você ficará bem com seus visinhos. Um cão confinado é um cão infeliz, e podem ocorrer problemas comportamentais, como excessos de latidos, agressividade e possessividade.

– Se passear com seu cão diariamente, vai descobrir que, como ele, você também está se sentindo mais saudável.

Brinquedos econômicos

Você não precisa comprar artigos caros para os animais. Se usar a imaginação, poderá fazer brinquedos que alegrarão da mesma forma.

– Recicle uma caixa de papelão. Faça aberturas no topo e nas laterais grandes o bastante para que o gato ou o filhote consiga entrar. Ponha nela alguns brinquedos favoritos e veja-o entrar e sair da caixa.

– Abra um saco de papel pardo. Gatos e filhotes adoram se esconder dentro delas e saltar nas pessoas quando elas passam.

– Prenda com fita adesiva ima das extremidades de um pedaço de barbante a um bambu ou vara fina e amarre a outra extremidade em uma bola de papel ou um rato de brinquedo gatária. Os gatos parecem nunca se cansar de caçar esse brinquedo simples e divertido.

– De ao filhote que está na fase de dentição uma bola de futebol velha. Esvazie a bola o suficiente para que ele consiga morder bem o couro.

Atividades organizadas:

Se seu cão for muito ativo, considere atividades organizadas e competitivas. Você vai ver  que é uma despesa extra que compensa.

– Provas de obediência com recuperação de objetos, atendimento a sinais de mão e discriminação de odores.

– Provas de agilidade são eventos cronometrados que dirigem seu cão por um percurso composto de várias etapas, túneis e saltos, entre outros obstáculos.

– Curso de iscas é um esporte para cães que usa os olhos, ao invés do focinho, para caçar. Envolve procurar um objeto e é um esporte rápido e de esforço físico no qual a velocidade, a agilidade e a resistência são testadas.

Atenção:

Não exercite seu cão em horas de muito calor, por causa do risco de insolação. Eles liberam o excesso de calor ao resfolegar, mas esse sistema de refrigeração não é muito eficiente, sobretudo em climas quentes.

Superdica

Estimule seu cão a nadar. Isso proporciona a ele um ótimo exercício e não custa nada.

Fonte: Retirado da página 111 do livro “Salve o Meio Ambiente”, da Seleções Reader’s Digest. Acesse este link e conheça o livro.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s